top of page

Uma Semana sem Marília Mendonça: Funcionários teriam visto avião bater em cabo de energia

“Foi trágico e muito rápido. Os meus empregados gritaram quando viram o avião bater no cabo e eu me virei a tempo de ver a queda”, contou.

Aníbal Martins Julião Júnior, dono do terreno no qual caiu o avião que matou a cantora Marília Mendonça, viu o momento em que a aeronave colidiu com um fio de alta tensão. Em conversa com o jornal O Globo, o empresário contou que foi avisado por seus funcionários, que trabalhavam a menos de 200 metros de distância. O empresário, que os acompanhava, diz ter se virado para a cena no momento em que o avião perdia o controle, logo antes da queda.

foto: reprodução google/microsoft/internet

De acordo com Aníbal, seus empregados capinavam um terreno para plantio e estavam a cerca de 180 metros das torres de energia em que o avião de Marília teria colidido. Enquanto eles trabalhavam, o empresário mantinha-se de costas para os cabos. Dessa posição, ele afirma, seus funcionários tinham vista livre para as torres de energia, apesar do terreno acidentado que predomina na região.




fonte:https://www.msn.com/pt-br/entretenimento/famosos/mar%C3%ADlia-mendon%C3%A7a-funcion%C3%A1rios-teriam-visto-avi%C3%A3o-bater-em-cabo-de-energia/ar-AAQAatM?ocid=msedgntp&pfr=1


コメント


bottom of page